Somos o que fomos programados para ser?

Se nos debruçarmos sobre a vasta literatura relacionada a genética, encontraremos explicações lógicas e racionais sobre tudo o que nos faz ser o que somos. Há uma sigla mágica para isso, inclusive: DNA.

De acordo com muitos, muitos cientistas, 100% do nosso comportamento é definido pela nossa estrutura genética que já carrega toda uma gama de características comportamentais. Há uma outra maneira de se ler essa informação: se todos realmente temos os nossos comportamentos pre-carregados em nosso DNA, então não somos muito diferentes robôs. Certo?

Não de acordo com o cientista Sebastian Seung. Ele tem um outro conceito chamado de Connectome. Segundo ele, nós nos definimos não (apenas) pelo nosso DNA, mas principalmente pela somatória de experiências de vida – memórias – expressadas em nossa rede neural.

O conceito é não apenas disruptivo, mas também um alívio. Sermos fruto das nossas próprias vivências é algo que consegue agregar um tipo de caos na identidade de cada ser humano. Nos deixa mais imprevisíveis, menos chatos e muito, muito mais surpreendentes.

Vale conferir o vídeo abaixo:

 

3 comentários sobre “Somos o que fomos programados para ser?

  1. Pingback: Como transformar humanos em robôs: o MIT e o controle das memórias | O Gene do Caos

  2. Somos o que fomos programados para ser e o que estamos sendo programados para ser, pois cada experiência vira memória que invariavelmente nos condiciona em termos de nossa próxima reação. A programação nunca termina, apenas vai sendo atualizada, por isso cada ser humano é produto de um época, e vai sendo modificado (atualizado) ou não de acordo com as mudanças que vão ocorrendo na época em que vive. Caso não se ‘permita’ atualizar ele se torna um ser anacrônico. A PROGRAMAÇÃO NUNCA TERMINA.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s